Twitter Bloqueia Conta de Usuários que tiveram Dados Vazados na Internet



  

Medida busca manter a segurança dos usuários. Quem teve a conta bloqueada deverá cadastrar uma nova senha para ter acesso ao seu perfil.

O Twitter anunciou recentemente que decidiu travar algumas contas dos usuários da rede e ainda ressaltou de forma assertiva que esses usuários devem resetar suas senhas. Isso tudo devido a um vazamento que atingiu algo em torno de 33 milhões de credenciais da rede.

De acordo com as informações divulgadas pela companhia, os dados obtidos não foram frutos de um ataque virtual aos servidores da rede social. Mesmo assim, a rede acredita que as informações podem ter sido levantadas por meio de brechas, malwares e até mesmo máquinas comprometidas que trabalham roubando senhas para e dos mais diferentes sites.

O responsável pelo escritório de segurança do Twitter informou que foram analisadas cada uma das divulgações mais recentes de senhas e foram feitos cruzamentos de dados com os registros guardados pela empresa. Como consequência, foram identificados os números de contas que foram afetadas. O Twitter informa também que aquelas contas que tiveram suas senhas expostas diretamente foram travadas e o dono da conta recebeu um pedido para a substituição da senha. As informações foram divulgadas por meio de um post no blog oficial da companhia.

O Wall Street Journal também veiculou a notícia alertando milhões de usuário do Twitter sobre o risco de suas contas terem sido sequestradas. Para o jornal, o Twitter não deu informações detalhadas em relação a quantidade de usuários que foram notificados e que querendo ou não se viram forçados a alterarem suas senhas. Mas, em termos gerais, destacou que se trata de milhões.

Toda essa questão acabou ganhando ainda mais espaço nos noticiários quando a empresa LeakedSource anunciou que havia identificado credenciais vazadas dos usuários do Twitter e de outras redes sociais como o LinkeIn e o Tumblr. A empresa informou que teve acesso a um banco de dados com mais de 32 milhões de registros de usuários. Ainda assim, alguns especialistas questionaram a veracidade de toda essa informação.





O mesmo usuário que forneceu para a LeakedSource os registros do Twitter também mandou nomes e senhas de pessoas que utilizam o VK.com e o MySpace.

A companhia afirma ter informações que apontam que o Twitter não foi hackeado e sim os usuários.

Pelo sim ou pelo não, o melhor é ficar atento.

Por Denisson Soares



Post Comment