Incrível relógio biológico do Girassol



  

Pesquisadores associaram o relógio interno do girassol ao ciclo circadiano, que dura 24 horas. Na natureza, é o primeiro exemplo onde este relógio modula o crescimento.

Simplesmente pelo fato de o girassol possuir um "relógio biológico", o caule, em fase de crescimento, se inclina para receber mais luz do sol, do leste ao oeste, do nascer ao pôr do sol. Foi onde pesquisadores da Universidade Davis, em Califórnia (EUA), associaram esse relógio interno ao ciclo circadiano, que dura 24 horas. Na natureza, é o primeiro exemplo onde este relógio modula o crescimento.

Quando surge a flor na sua vida adulta, o girassol se fixa virado para a posição leste, justamente para receber os primeiros raios solares, se esquentando mais rápido e recebendo bem mais insetos para fazer a polinização, cerda de 5 vezes mais.

Uma outra descoberta é que o girassol, quando em ambiente fechado, pode não acompanhar a posição correta do sol. Foram plantados em vasos e induzidos ao lado errado com luz artificial.

O girassol é uma planta muito conhecida, tanto pela beleza, quanto pela sua semente, que é usada como comida para diversos tipos de pássaros (papagaio, maritaca e tucano) e também encontrada na nossa culinária.





Diversos sites na internet falam sobre as vantagens de se comer o girassol. Começando que ela pode ajudar no emagrecimento, uma vez que ela aumenta a saciedade, assim sendo, a quantidade de alimentos ingerido é menor que o habitual comendo 30 gramas diariamente. O óleo do girassol ajuda na parte da gordura no sangue.

Associado à massa muscular, as sementes contêm proteínas, vitamina E, ácido linoleico (para os fisiculturistas), selênio (mineral antioxidante) e magnésio, que atua como produtor de energia e formação dos ossos. Ajuda no mal colesterol e na enxaqueca. As fibras no bom funcionamento do intestino, sem mencionar o ferro e o cálcio encontrado. Para desfrutar desses benefícios, chá pode ser feito ou até mesmo ingerindo com a comida.

Algumas cidades, como Campinas e Pindamonhangaba (SP), já apareceram na mídia exibindo as belas plantações de girassol. O plantio se faz em todo o território nacional entre as estações primavera e verão, mas há relatos de existirem as chamadas "safrinhas" na região sudeste, que vai de fevereiro a março e se destaca por ser uma época mais produtiva naquela região.

Por Fernando Dias

Girassol



Post Comment