Chocolate faz bem à saúde



  

Pesquisadores descobriram que o chocolate ajuda a melhorar a memória e previne a demência na velhice.

Gosta de chocolate? Então, pode comemorar. Pesquisadores descobriram que o chocolate ajuda a melhorar a memória, e ainda previne a demência na velhice. Quer melhor incentivo para continuar comendo essa delícia?

Pesquisadores da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, fizeram um experimento com pessoas de idade entre 50 a 69 anos. Todos os dias durante três meses, esse grupo de pessoas, teve que ingerir uma quantidade de flavanol – um dos componentes do cacau. Os voluntários na pesquisa foram divididos em dois grupos: um grupo recebeu uma dose grande do componente e o outro grupo uma dose bem pequena.

Durante o período do experimento, que durou 90 dias, os voluntários foram submetidos a testes de memórias e a ressonância magnética cerebral. Os testes foram feitos, antes, durante e após o experimento.

Com isso, os pesquisadores notaram que o grupo que ingeriu uma quantidade maior do componente, teve sua capacidade de memória aumentada em relação ao grupo que ingeriu pouca quantidade de flavanol.

Os flavanoides, que é um dos compostos principais do cacau, mostraram que são benéficos à saúde mental. Além, de melhorar a memória, ainda pode reverter os danos causas à memória visual, o que acontece com o envelhecimento. E ainda, segundo a pesquisa, os voluntários com 60 anos tiveram um resultado muito parecido com os de uma pessoa de 30 anos.





Foi mostrado na ressonância que uma parte do cérebro associada à memória teve uma maior atividade naqueles que consumiram o flavanol em maior quantidade. Mostrando o quanto a substância é benéfica e eficaz.

Além de melhorar a memória, o chocolate ainda ajuda na concentração, no raciocínio e no processamento de informações. Ainda não se sabe ao certo o porquê dessa melhora nas conexões cerebrais devido à ingestão desse componente do cacau, e como ele reage no organismo. Mas, além da melhora cognitiva, o componente também é conhecido por ser benéfico à saúde cardiovascular, pois ele tem efeito anti-inflamatório e prevenindo danos nos vasos sanguíneos.

Uma barrinha de chocolate, contém pouca presença do flavanol, mas com o caminhar das pesquisas, pode aparecer um super barra de chocolate com quantidade necessária da substância. Enquanto isso, não faz mal algum comer algumas barras de chocolate durante o dia. Tudo em prol da boa saúde.

Por Camilla dos Santos Batista

Chocolate



Post Comment