Melhores cervejas do Brasil



  

Jornalista americano elegeu as 5 melhores cervejas do Brasil.

O jornal "The News & Observer", localizado na Carolina do Norte, enviou o jornalista Luke DeCock para fazer a cobertura dos jogos olímpicos no Rio de Janeiro e de quebra publicou uma matéria com o título "Olympic list: Top 5 Brazilian beers" no último sábado, dia 20 de agosto.

O jornalista, que é americano, mencionou nesta matéria que o Brasil é famoso pela caipirinha e que aqui os brasileiros ficam sentados na rua consumindo as cervejas. Ele menciona ainda que depois de uma pesquisa considerável, pode chegar a este "Top 5" das cervejas.

A Skol foi a cerveja em 5º lugar segundo o jornalista, que as comparou com o gosto de meias molhadas e a carpetes de repúblicas estudantis. Mencionou ainda que a palavra "Skol" tem a mesma pronuncia que um tipo de tabaco de mascar. Devo lembrar que esta cerveja foi patrocinadora dos jogos do Rio e é a cerveja mais vendida no Brasil.

Em 4º lugar ficou a cerveja Stella Artois, que segundo Luke é igual em qualquer lugar do mundo. Ela não é brasileira e aqui ela é tratada com um "status" de cerveja superior, mas é considerada comum no resto do mundo.

A cerveja "Eisenbahn Pale Ale" ficou em 3º lugar e foi considerada "aceitável" pelos padrões mundiais e americanos. A palavra Eisenbahn significa ferrovia em alemão e é o nome desta cervejaria artesanal fundada em Santa Catarina, ao lado da antiga linha de trem, em Blumenau.





A Brahma é a 2ª cerveja mais vendida no Brasil e Luke DeCock também deixou esta marca como vice campeã da sua lista. Luke disse que é melhor do que as cervejas americanas, mais limpa e suave. Lembrou também que é a marca líder em chopp.

A Antarctica está em terceiro lugar nas cervejas mais vendidas no Brasil, mas é a campeã deste ranking, segundo o jornalista. Luke disse que o gosto da cerveja não tem nada de especial, mas é melhor que a Brahma. Mencionou também que provavelmente seria bem aceita no mercado americano.

Podemos encontrar inúmeras marcas de cerveja no Brasil, o gosto de cada consumidor pode variar. Mas não podemos esquecer de beber com respeito e moderação.

Por Fernando Dias

Cerveja



One Comment - Escrever um Comentário

Post Comment