Jogo Palmeiras x São Paulo – Brasileirão 2016



  

Palmeiras e São Paulo se enfrentam nesta quarta-feira, dia 7 de setembro, às 21:45.

O treinador Ricardo Gomes praticamente já definiu a equipe que irá a campo no clássico contra o verdão, na quarta-feira, dia 7, no Allianz Parque. Na última segunda-feira, o técnico realizou uma atividade no Centro de Treinamento da Barra Funda, com o objetivo tático e usou a mesma formação que estava acostumado recentemente. Ricardo irá para a partida com três volantes e com três atacantes.

A formação que foi trabalhada nesta segunda-feira contou com: Denis, Lugano, Wesley, Carlinhos e Maicon; Hudson, Thiago Mendes e João Schmidt; Chavez, Kelvin e Luiz Araújo. Já no segundo tempo de treino, o treinador colocou Araújo no lugar de Daniel. O time titular ganhou por 2 a 0, gols de João Schmidt e Chavez.

O treino teve 40 minutos, separados em dois tempos de 20, que apresentou de forma clara a formação com três volantes. Thiago, pela esquerda e João pela direita, além de Hudson centralizado e um pouco recuado. Os dois primeiros ficaram responsáveis pela função de criação no meio campo, porém, a equipe forçou muito pelas laterais, utilizando Kelvin no lado direito. O atleta criou a jogada que terminou no gol de Chavez e ainda teve uma oportunidade clara.





O professor também armou formação em no caso dos desfalques. Lucão, Lyanco, Cueva e Mena estão nas seleções e ficarão pelo menos no banco a disposição para o jogo. Buffarini cumpre suspensão e Bruno está lesionado. Praticamente recuperado de uma lesão no adutor direito, o clube conta com a volta de Rodrigo Caio, que treinou com o time reserva, porém, não está confirmada sua participação no jogo. O time reserva tinha: Leo, Douglas, Auro, Carlinhos e Rodrigo Caio; Artur, Buffarini, Daniel e Michel Bastos; Gilberto e Pedro.

O tricolor de São Paulo amarga a 12ª posição na competição, separado por apenas quatro tentos da zona da degola no Campeonato Brasileiro 2016. Já na Copa do Brasil, o clube foi derrotado no jogo de ida, pelas oitavas de final, pelo Juventude, time da Série C, pelo placar de 2 a 1. O placar deu início a uma crise, que ficou ainda pior quando torcedores invadiram o CT da Barra Funda e agrediram Wesley, Michel Bastos e Carlinhos.

FILIPE R SILVA



Post Comment