Eleições 2016 – Documentos Necessários para Votar



  

Confira aqui quais são os documentos necessários para votar nessas Eleições 2016.

No próximo domingo, dia 02 de outubro, acontecem as eleições municipais, que vão eleger prefeitos e vereadores em todas as cidades do Brasil.

As eleições definem quem serão as pessoas que vão representar a população nos próximos quatro anos. Serão mais de sessenta mil vereadores e quase sete mil prefeitos.

Locais de votação:

Para votar é necessário saber o local de votação e a zona eleitoral a qual pertence. No título de eleitor, essas informações podem ser encontradas, logo acima do nome do eleitor, em dois espaços diferentes. Os locais de votação também podem ser encontrados no site do Tribunal Superior Eleitoral – TSE. Para saber a sua zona eleitoral, o eleitor deverá ter em mãos o número de seu título. Caso não encontre o documento, o local também pode ser encontrado com a conferência de dados como data de nascimento e o nome da mãe.

Documentos necessários:

Neste ano, muitos eleitores fizeram o recadastramento biométrico com o cadastro das digitais e foto, para confirmação da identidade do eleitor. Apesar na nova tecnologia, a identificação por meio de documento impresso vai continuar obrigatória para essas eleições municipais.

No dia da votação é necessário levar algum documento de identidade com foto. Podem ser utilizados:

  • RG
  • Carteira Nacional de Habilitação- CNH (Carteira de Motorista)
  • Carteira de Trabalho
  • Carteira de Categoria Profissional Reconhecida (por exemplo, OAB)
  • Carteira de Reservista
  • Passaporte




O documento obrigatoriamente precisa ter foto. Certidões de casamento e de nascimento, por exemplo, não poderão ser apresentadas como documento.

Para justificar o voto:

Caso o eleitor não esteja em sua cidade no dia das eleições, ele deve justificar o voto. A justificativa pode ser realizada no dia da eleição, na cidade onde o eleitor estiver. O documento pode ser impresso no site do TSE, preenchido e levado até um local de votação no dia do pleito. No local, o eleitor vai apresentar um documento com foto (valem os mesmos da votação), entregar o formulário e receber um comprovante de justificativa.

O voto deve ser justificado em cada fase da eleição, ou seja, quem mora em cidades onde há segundo turno e se ausentar também na segunda parte da votação, terá que fazer a justificativa novamente.

ANA CAROLINA HADDAD



Post Comment