Resultado Eleições Belém (PA) 2016 – 1º Turno para Prefeito



  

Zenaldo Coutinho e Edmilson Rodrigues disputam o 2º Turno das Eleições de Belém 2016.

Em Belém, estado do Pará, a disputa para a prefeitura deste ano será decida no segundo turno. Zenaldo Coutinh (do PSDB e atual prefeito) e o deputado federal Edmilson Rodrigues (PSOL) serão quem se enfrentarão no segundo turno. Na capital paraense havia uma certa incerteza a respeito dos principais candidatos. Para termos uma ideia mais clara, apenas nos últimos dias é que a disputa tomou contornos mais concretos, quando o candidato tucano acabou superando na reta final o candidato Éder Mauro, do PSD. Com isso, Coutinho acabou assumindo a liderança.

Após a apuração de 100% das urnas, Zenaldo atingiu a marca de 31,02% dos votos considerados válidos. Já o candidato Edmilson chegou a 29,5%. Éder Mauro, que até então vinha se colocando na liderança, terminou em terceiro lugar com um percentual de 16,53% dos votos válidos.

Edmilson está tentando nessa candidatura emplacar o seu terceiro mandato como prefeito. O primeiro mandato ocorreu em 1996, pelo PT, sendo que foi reeleito em 2000 pelo mesmo partido.

Em 2012 ele novamente se candidatou, mas no segundo turno, disputando com Coutinho, mas não obteve sucesso.

Agora em 2016, para a candidatura para a prefeitura de Belém, Zenaldo tem contado com o auxílio de uma ampla coligação. Ao todo são 15 partidos integrados. Com isso ele também conseguiu angariar mais tempo para o horário eleitoral contabilizando 15 minutos. Em contrapartida, Edmilson e Éder contaram apenas com cerca de 3 minutos em horário na TV.





Belém apresenta uma curiosidade em termos políticos: A cidade tem por hábito reeleger seus prefeitos desde que a reeleição passou a ser permitida para os chamados cargos majoritários.

Na trajetória política de Belém, apenas um candidato até hoje conseguiu ser eleito já no primeiro turno. Isso aconteceu no ano de 1992. Na ocasião o “autor” do feito foi o candidato Hélio Gueiros.

A capital do estado do Pará conta com 1,4 milhão de habitantes. Da região Norte do país ela é a segunda mais populosa, ficando atrás apenas de Manaus.

De acordo com uma proposta apresentada pelo atual prefeito, para a gestão de 2017, a cidade contará com um orçamento de R$ 3 bilhões.

Se a cidade seguir com o padrão de reeleger seus prefeitos a resposta já é sabida de todos. Mas, nas urnas, como foi possível verificar na própria Belém no primeiro turno, tudo pode acontecer.

Por Denisson Soares



Post Comment