Nicotina do Cigarro pode ser Boa para o Cérebro



  

Estudo aponta que embora o cigarro seja um vilão, a nicotina pode ser boa para o cérebro.

As campanhas contra o tabagismo crescem em todo o mundo. Os males provocados pelo cigarro a saúde dos fumantes são graves e até fatais. Contudo, um estudo feito Texas (EUA) mostra que se a nicotina for administrada corretamente pode trazer benefícios para o cérebro.

As pesquisas realizadas pela equipe do Texas A&M College of Medicine e publicada pelo Jornal Open Access de Toxicologia apontam que a nicotina pode auxiliar na prevenção de doenças como Alzheimer e o Parkinson, sem intervir no comportamento dos pacientes.

De acordo com os pesquisadores, mesmo sabendo que a nicotina possui efeitos tóxicos e é altamente viciante, ela auxilia na melhoria do aprendizado, memória e atenção, por este motivo os pesquisadores acreditam que ela pode contribuir para que os pacientes que apresentam o quadro de demência, possam viver de maneira mais independente.

Pesquisas feitas com animais não apontam efeitos colaterais

Alguns animais foram submetidos ao uso de nicotina para que os pesquisadores pudessem comprovar os seus benefícios.

Segundo uma das cientistas responsáveis pela pesquisa, professora Ursula Winzer-Serhan, a nicotina mesmo quando usada em níveis elevados não causou nenhum tipo de efeito colateral comportamental, como a ansiedade, que era uma das grandes preocupações dos pesquisadores.





Neste estudo foi observado que os animais que tiveram contato com a dose correta de nicotina ficaram menos ansiosos.

Os resultados mostram que o tratamento à base de nicotina não traria efeitos comportamentais aos pacientes. Este seria o primeiro passo para o avanço da pesquisa que visa provar que o tratamento com esta substância é seguro para ser usado no tratamento de doenças neurodegenerativas.

A próxima fase da pesquisa vai estudar o efeito da nicotina contra a neurodegeneração em camundongos idosos.

Uso indiscriminado da nicotina

Contudo, os pesquisadores alertam que não se deve comprar produtos que contenham nicotina e fazer seu uso sem acompanhamento médico e da maneira adequada.

As pesquisas ainda dependem de análises clínicas em larga escala, para que se possa comprovar os reais benefícios e efeitos da droga, legitimando assim a segurança do uso da substância.

Os pesquisadores alertam que a maioria dos produtos que contém a nicotina são altamente tóxicos e representam perigo para a saúde.

Fabiana Batista Santos



Post Comment