Pesquisa 2º Turno Eleições do Rio de Janeiro (RJ) – Ibope e Datafolha



  

Marcelo Crivella lidera

As primeiras pesquisas para o segundo da eleição para prefeito no Rio de Janeiro apontam ampla vantagem para o candidato do PRB, Marcelo Crivella. O pastor licenciado pela Igreja Universal leva a melhor sobre o candidato do PSOL Marcelo Freixo tanto na pesquisa do Instituto Brasileiro de Opinião e Estatística (Ibope) quanto na pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha.

De acordo com a pesquisa realizada pelo Datafolha, entre os dias 5 e 6 de outubro, Marcelo Crivella tem 44% das intenções de voto na capital fluminense (de acordo com a margem de erro, pode ter entre 41% e 47%), enquanto seu adversário tem as intenções de voto de 27% dos eleitores cariocas (com a margem de erro, pode ter entre 24% e 30%). Outros 18% dos eleitores declararam que pretendem votar em branco ou nulo e 10% ainda não se decidiram em quem irão votar nesse segundo turno. A pesquisa também traz as migrações de votos dos candidatos do primeiro turno. Os eleitores de Pedro Paulo e Flávio Bolsonaro, terceiro e quarto mais votados no primeiro turno, respectivamente, somam 30% dos votos válidos e podem ser os fiéis da balança nessa decisão. E aqueles que votaram em Bolsonaro devem decidir a eleição. De acordo com a pesquisa realizada pelo Datafolha, 69% dos que escolheram o candidato do PSC no dia 2 de outubro irão votar em Crivella, enquanto apenas 5% votarão em Freixo. Já no caso dos eleitores do candidato do PMDB, a disputa é um pouco mais acirrada, já que 33% escolherão Crivella e 21% irão de Marcelo Freixo, enquanto outros 18% seguem indecisos.

A pesquisa do Ibope foi realizada entre os dias 7 e 9 de outubro. Um detalhe relevante a ser observado sobre essa pesquisa é que ela pega dois momentos: um no dia 7, antes do debate entre os dois candidatos realizado pela Rede Bandeirantes e outro nos dias 8 e 9, já após o debate. A pesquisa aponta uma vantagem ainda maior para o candidato do PRB. Crivella lidera as intenções de votos com 51% (com a margem de erro pode ter entre 48% e 54%). Freixo aparece com 25% das intenções de voto (com a margem de erro pode ter entre 22% e 28%). Votos nulos ou em branco foram 21% e 3% não souberam ou não quiseram opinar.





O segundo turno será realizado no dia 30 de outubro e o candidato que tiver o maior número absoluto de votos válidos será eleito prefeito do município do Rio Janeiro no quadriênio que vai de 2017 a 2020, sucedendo o atual prefeito Eduardo Paes, do PMDB.

Renato Senna Maia



Post Comment